PMA fecha hotel e pesqueiro no Pantanal

Policiais Militares Ambientais de Corumbá, em fiscalização na região de Porto Morrinho fecharam ontem (5) um hotel e um pesqueiro, que funcionavam nas margens do rio Paraguai sem licenciamento ambiental.

Plinio da Silva Lopes, proprietário do hotel Cosme e Damião, situado no Porto Tarumã, foi autuado e multado em R$ 8.000,00. As atividades foram interditadas, até a legalização junto ao órgão ambiental.

Na mesma região e pelo mesmo motivo, foi fechado o pesqueiro Rancho dos Seis, pertencente a Magno Donizete Coniglian. Ele foi autuado administrativamente e multado em R$ 8.000,00. As atividades também foram interditadas até a legalização ambiental.

Ambos os autuados responderão por crime ambiental de funcionar atividade potencialmente poluidora sem autorização do órgão ambiental competente. A pena para este crime é de seis meses a um ano de detenção.

PMA – MS

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.