TV Senado mostra como criação sustentável de peixes transformou a realidade de assentamentos

O programa EcoSenado apresenta neste fim de semana a reportagem especial “Criação de peixes em igarapés”, que mostra como um projeto sustentável transformou a realidade de assentamentos do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) próximos a Manaus, capital do Amazonas. O programa vai ao ar no domingo (18), às 2h15, às 11h15 e às 19h45.

Nesta edição do EcoSenado, o pesquisador do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) e coordenador da tecnologia social Criação de Peixes em Canais de Igarapés, Jorge Fim, explica a transformação social e econômica ocorrida na região próxima a Manaus e em outros municípios do Amazonas desde 2003, quando foi implantado o Programa de Criação Intensiva de Matrinxã (Procima), uma espécie de peixe da bacia Amazônica.

Além de não agredir a natureza e possibilitar a exploração turística do local, a atividade de baixo custo é uma alternativa viável de produção de peixes para agricultores familiares, assentados rurais e povos indígenas. O programa do Inpa oferece orientação e ferramentas às comunidades de baixa renda instaladas próximas aos igarapés (córregos de água comuns na região).

O projeto fez com que os habitantes locais continuassem a consumir peixe em sua alimentação, sem precisar gastar com o produto e, ainda, comercializar o excedente. O Procima começou a ser executado com a construção de quatro módulos experimentais nos Projetos de Assentamento do Incra em Tarumã Mirim. Hoje, coordena mais de 200 criatórios no Amazonas, em um raio de 200 quilômetros de Manaus.

Agência Senado

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.